21 de abril de 2011

Mais uma porcaria (ou não) da internet

Se a maioria não gosta, por que faz sucesso?

Já estamos no parágrafo seguinte, porque o primeiro deste texto se resume a uma pergunta sem resposta. E por falar em resposta, vamos dizer do que tratamos, mas só no próximo parágrafo, ok?

Você já ouviu falar de Rebecca Black? Uma jovem da California - EUA - que depois de ganhar U$$ 4.000 para gravar uma música numa produtora destinada a jovens talentos, fez um vídeo e colocou no Youtube, atingiu números impressionantes de acessos e agora é a nova moda passageira da internet.

Os números são impressionantes mesmo! Ela bateu recordes, superou a marca de 100 milhões de acessos, ultrapassou Justin Bieber, que havia chegado a essa marca com o clipe da música Baby. O detalhe é que ela, ao contrário de Bieber, era uma anônima antes do vídeo e, o mais impressionante, bateu a contagem em menos de dois meses (bem mais rápido que o mine galã).

Tão impressionante quanto os números, é o volume de rejeição da arte da menina: até 21 de abril, quando o vídeo havia sido assistido por 112.305.000 (cento e doze milhões, trezentas e cinco mil) pessoas, o número de avaliações positivas era de 303.000, contra esmagadoras 2.260.000 avaliações negativas.

Nós, da Rádio Web 1, vamos ajudar a propagar mais um pouco esse grande viral do momento na internet, apresentando a você (e como diria Sílvio Santos, quem não viu vai ver... Quem já viu, vai ver de novo!) o grande sucesso... Friday!

Por qual razão isso é sucesso, não nos pergunte.