4 de dezembro de 2009

Vírus para iniciantes

Cada vez mais a internet está sendo tomada por "cabras safados" que tentam de qualquer jeito roubar dados pessoais de usuários desprevenidos. Apesar deles estarem atacando a torto e a direito, é fato, que, na maioria das vezes, para ser vítima deles é preciso ser iniciante em navegação pela rede.

Os caras podem ser gênios da informática e manjar tudo que é necessário para infectar um computador, mas criatividade e talento para convencer alguém a fazer o que eles querem é algo que inexiste nessa turma. Chega a ser revoltante a falta de criatividade, dá vontade de tentar entrar em contato com eles para dar uma dura.

Utilizando frases como:

"O MSN e o ORKUT vão ser pagos"

"O jovem foi encontrado numa banheira com gelo"

"Cenas do Big Brother/A Fazenda que a Globo/Record não mostra"

"SERASA, SPC e Receita Federal"

"Cartões Virtuais"

No ORKUT - "Vote na minha foto, vi este filme que é a sua cara, veja esta mensagem que preparei pra você…"

"Veja o que fizeram com suas fotos no Orkut"

Sinceramente, dá vontade de exclamar um baita dum palavrão com "P" ao ver essas frases... Dava mais gosto ter o pc infectado por algo criativo do que me inchar de raiva eliminando esses recadinhos.

Ressalvas:

Algumas pessoas compartilham o pc com um irmãozinho mais novo, a vovó, o titio, etc. Ocasionalmente, uma dessas pessoas pode, desconhecendo o esquema maléfico virtual, clicar numa dessas frases sem sentido. Daí a importância de, ao ceder o pc para usuários inocentes, cientificá-los do conteúdo guardado atrás dessas frases-padrão.

Para rastrear e eliminar danos causados por spywares e vírus, tenha à sua disposição o Spyware Terminator (programa gratuito), ele resolve uma grande parcela dos problemas. Se o seu pc tiver configurações básicas e ficar travando muito com este programa, instale-o apenas para fazer uma varredura, depois remova, mas periodicamente instale e faça uma limpeza.

Apêndice:

Cabra Safado: sujeito de mal caráter; disposto a prejudicar outros; disposto a prejudicar em troca de prazer egoísta.